Captando uma volta em 360 corações

transplant

por Jaqueline Viana

Neste ultimo domingo, dia 03 de dezembro foi comemorado 50 anos do primeiro transplante cardíaco entre seres humanos ocorrido na África do Sul.

No Brasil, a primeira operação ocorreu seis meses depois mas o receptor sobreviveu por menos de um mês, pois na época não existiam drogas eficazes contra a rejeição e o paciente sofreu uma infecção durante o procedimento.

No Brasil, estima-se que existem mais de 250 pacientes sob a espera deste enxerto.

Um dos maiores diagnósticos para a indicação do transplante é a insuficiência cardíaca (IC) em que o coração não consegue bombear sangue suficiente para suprir as necessidades de oxigênio e nutrientes do organismo. Os portadores de IC são limitados, pois, com facilidade, têm falta de ar e os tornozelos podem inchar. Para complicar mais a situação, o coração pode apresentar distúrbios do ritmo cardíaco – as arritmias.

A recusa familiar ainda tem um número expressivo que impossibilita a doação deste órgão, as estatísticas apontam 40%.

Em outubro, foi lançado um curta-metragem – Me de de presente o teu BIS (PT-BR)/ Give me Your BIS (EN) gravado com uma câmera 360 que trata de um manifesto de doação de órgãos e a equipe responsável pelo trabalho gravou a remoção de um coração de um doador falecido, onde apresentam um trecho na obra para compor o entendimento da narrativa. Os desafios deste trabalho foram inúmeros, pois alem da inexperiência de gravação deste tipo de mídia e um prazo apertado para a submissão do trabalho, a equipe não contava com equipamentos sofisticados, mas se esforçaram para produzir uma boa historia.

O filme foi inscrito para concorrer em 3 categorias no VR Days na Holanda, ele não levou o prêmio, mas se foi capaz dar um “giro” em 360 corações sensibilizando as pessoas quanto ao tema, cumpriu a sua missão e isso é o que desejamos para os próximos trabalhos de 360 e em realidade virtual –  que possibilitem não somente nos entreter, mas também de nos tocar, nos transformar, nos emocionar e nos tornar mais humanos.

Um comentário sobre “Captando uma volta em 360 corações

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s