Gostaríamos de ir na E3 2017 para cobrir VR e precisamos da sua contribuição

Por Pedro Zambarda, editor-chefe do Drops de Jogos e da revista Mundo360

Texto originalmente postado no Drops de Jogos.

O Drops de Jogos e a revista Mundo360 querem comparecer em peso na E3 2017, a maior feira de games do mundo em Los Angeles, nos Estados Unidos, que ocorrerá entre os dias 13 e 17 de junho do ano que vem. Vamos cobrir videogames e realidade virtual, a nova tendência do momento. Para viabilizar o projeto de maneira independente, abrimos o nosso primeiro crowdfunding pelo Catarse.

Por que estamos pedindo dinheiro dos nossos leitores, apoiadores e fãs?


Éramos relutantes com a ideia e só faríamos isso num projeto que exige investimento. A E3 é o principal evento do setor e gostaríamos de estar mais presentes no evento. Já cobrimos ele assistindo as principais conferências pela internet.

Em 2016, tivemos uma repórter, a Mayara Fortin, in loco nos Estados Unidos. No ano de 2017, o DJ quer estar com uma equipe completa em Los Angeles, de duas até três pessoas.

Queremos escrever, gravar vídeos rápidos e fazer filmagens de fôlego. O nosso intuito é dar uma cobertura das conferências, dos principais gameplays e finalizar a reportagem com um mini-documentário de 15 até 20 minutos no YouTube.

>>Por isso, escolhemos a plataforma Catarse. A meta é acumular R$ 25 mil para viabilizar as reportagens com dois ou mais repórteres.

>>O tempo será curto. Temos 60 dias para viabilizar o financiamento coletivo (crowdfunding). A campanha é “Tudo ou Nada”.

Se você doar ao Catarse e a campanha atingir R$ 25 mil, você ganha o nosso agradecimento (valores acima de R$ 10) ou brindes (acima de R$ 100), que podem ser um boneco Funko Pop ou uma camiseta de sua escolha. Se não bater a meta, você recebe o dinheiro de volta.

Quem fará o projeto?

Serão os editores Kao Tokio e Pedro Zambarda.

Pedro é jornalista profissional desde 2008 e sempre esteve na cena brasileira de jogos, assessorando empresas ou fazendo coberturas. Foi repórter e redator geral do site EXAME.com e colunista do site TechTudo (Globo.com). É editor-chefe do Drops de Jogos e do Geração Gamer. É repórter freelancer do site Diário do Centro do Mundo.

Kao foi professor de design de games e atuou em sites consagrados, como GameStorming (da revista INFO) e Play’n’Biz. Trabalhou em sites como Geek e GameCultura. É o editor de conteúdo do Drops de Jogos.

O que faremos com o financiamento?

– Cobrir as principais conferências das grandes empresas: Electronic Arts, Bethesda, Ubisoft, Sony e Microsoft;
– Análise completa da feira, incluindo games expostos;
– Gameplay dos lançamentos disponíveis na feira;
– Entrevistas com desenvolvedores e produtores;
– Cobertura do IndieCade, setor de jogos independentes da E3;
– Documentário final, entre 15 e 20 minutos, para YouTube sobre a feira.

Dúvidas frequentes

Quantas pessoas farão a cobertura jornalística? Duas, o editor-chefe e o editor de conteúdo, alternando entre apuração de campo e evento geral. Existe a possibilidade de uma terceira repórter, dependendo do que a gente conseguir arrecadar.

Onde serão publicadas as reportagens? De graça no site do Drops de Jogos ou no nosso canal de YouTube.

Por que recorremos ao Catarse? Entendemos que o bom jornalismo e a reportagem internacional precisam ser financiados. Precisamos de verba para enviar os dois editores do site para cobrir a feira em Los Angeles, nos Estados Unidos. O valor de R$ 25 mil é para financiar uma viagem de uma semana de dois jornalistas e os doadores podem receber contrapartidas por suas contribuições.

Como eu recebo minhas recompensas? Por email, enviando mensagem para dropsdejogos@gmail.com com o título “Eu quero meu Boneco Funko/Camiseta” e a descrição com a sua doação (valor e screenshot) e os detalhes do produto que você deseja.

Como vocês chegaram neste valor? Orçamos uma viagem para dois jornalistas na atual cotação do dólar mais os 13% que o Catarse cobra, cerca de R$ 3 mil no atual orçamento.

O que acontece se a meta não for atingida? O Catarse devolve o dinheiro. Todo. Na íntegra.

A doação é fechada nesta cobertura, mas aceitamos sugestões dos contribuidores para novos trabalhos. A arrecadação vai durar por dois meses (60 dias), entre 31 de dezembro de 2016 e 1º de março de 2017.

Como foi nossa cobertura anterior da feira?

Você pode ler abaixo os textos da Mayara Fortin, nossa primeira correspondente nos EUA.

Meu 1º dia na maior feira global de games
Meu 2º dia na maior feira global de games
Meu 3º dia na maior feira global de games
Meu 4º dia na maior feira global de games
Primeiras impressões de Battlefield 1
Conheça 5 games do IndieCade de 2016

Ainda restam mais dúvidas?

Comente abaixo, poste nas nossas redes sociais ou mande email para dropsdejogos@gmail.com.

Agradecemos sua atenção e contamos com sua colaboração para tornar esta cobertura uma realidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s